Ipem-AM apresenta balanço das ações em Parintins, como parte do programa Amazonas Presente

Os fiscais do Instituto de Pesos e Medidas do Amazonas (Ipem-AM) realizaram, no período de 18 a 23 de maio deste ano, ações de fiscalização no município de Parintins (a 369 quilômetros de Manaus), onde cerca de 240 estabelecimentos comerciais foram visitados. Ao todo, foram analisados 2.276 mil produtos.

Foram constatadas irregularidades em produtos pré-medidos – aqueles embalados na ausência do consumidor. Os produtos arroz, feijão, açúcar, farinha, macarrão e produtos de lava-louças, todos estavam abaixo do peso informado na embalagem.

Durante as ações de fiscalização também foram verificadas mais de cem amostras de papel higiênico de 30 metros. Após análise, os fiscais do Ipem constataram que, em 15 amostras, havia apenas 28 metros de papel. Ou seja, os consumidores estavam sendo lesados na medida dos produtos.

Na área da metrologia legal, a fiscalização percorreu em 19 postos de combustíveis (terrestre) e quatro postos de combustíveis flutuantes (pontões) localizados na orla da cidade. Foram verificados 101 bicos de abastecimentos e 12 reprovados.

Entre as irregularidades encontradas nos postos de combustíveis estão vazamento de combustível na mangueira; mau estado de conservação da bomba medidora; lacres violados; dígitos danificados no painel da bomba medidora.

No total, foram verificados 106 instrumentos, incluindo cinco balanças comerciais, sendo estes instrumentos todos aprovados.

O Ipem Amazonas está realizando diversas ações de fiscalização, bem como orientando os comerciantes e consumidores em geral sobre os seus direitos como cidadãos, dando dicas de como identificar possíveis irregularidadesOs serviços fazem parte do programa Amazonas Presente, do Governo do Amazonas, que levam ações itinerantes ao interior do estado por meio das Unidades Básicas Fluviais de Fiscalização e de Pesquisa (UBFF e UBFFPII), do Ipem-AM.

Denúncia – O órgão disponibiliza um canal de atendimento ao consumidor e comerciantes para mais informações ou denúncias, no telefone 0800 092 2020, que funciona de segunda à sexta-feira, das 8h às 14h.

FOTOS: Herick Pereira/Secom e Divulgação/Ipem-AM