Ipem incinera 1 tonelada de produtos que ofereciam riscos à saúde e segurança dos consumidores

Todo material estava sem a certificação do Inmetro e foram destruídos na manhã desta quinta-feira (16/12)

Uma tonelada de produtos foi apreendida durante as fiscalizações realizadas pelo Governo do Amazonas, por meio do Instituto de Pesos e Medidas do Amazonas (Ipem-AM), e foram destruídas por um rolo compressor, nesta quinta-feira (16/12), no Terminal de Cronotacógrafo do Ipem, localizado na avenida Flamboyant, no Distrito Industrial II, zona sul da capital.

Entre os produtos apreendidos estão os brinquedos, adaptadores, plugues e tomadas, fios e cabos de baixa tensão, e pisca-piscas. Esses produtos foram retirados do comércio durante as fiscalizações realizadas na capital e Região Metropolitana, por estarem sem a certificação do Inmetro, oferecendo risco ao consumidor.

Segundo o diretor-presidente do Ipem-AM, engenheiro Márcio André Brito, todos os produtos ofereciam risco à saúde da população.

“Retiramos mais de uma tonelada de produtos que estavam oferecendo risco à saúde da população. Nessa época de Natal retiramos pisca-pisca, um material elétrico de baixa tensão, aparentemente inofensivo, mas que pode causar curto circuito, aquecimento e até incêndio”, informou Márcio Brito.

O diretor-presidente orientou, ainda, que o consumidor deve ficar atento na hora de comprar os produtos. “O que nós orientamos é que a população, ao fazer aquisição desses produtos, sejam brinquedos, material elétrico, GLP, que é o gás de cozinha, verifique se existe a marca do Inmetro. Esta certificação elimina os possíveis riscos e não oferecerão prejuízo e nenhum tipo de acidentes domésticos”, disse.

Os produtos foram destruídos no pátio do terminal do Ipem, e encaminhados para descarte final por uma empresa especializada. É importante que o consumidor faça aquisição de produtos somente em mercado formal, que tenha procedência do produto e que estejam certificados pelo Inmetro. Isso significa que os produtos passaram por ensaios e testes de resistência e qualidade, e atendem aos padrões estabelecidos para a comercialização e uso.

Ouvidoria – A população pode fazer denúncias e até tirar dúvidas na ouvidoria do Ipem, no telefone 0800 092 2020, que funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 14h.

FOTOS: Alexandre Vieira / Ipem-AM

VIDEO: https://we.tl/t-vvMTjrhgNM

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *